A UNI7 - Centro Universitário 7 de Setembro é a realização de um compromisso amplo com a sociedade cearense: o de atuar com a devida competência e criatividade em todos os níveis de ensino e, estimular, sempre, seus alunos, professores, colaboradores técnicos ou administrativos, para o ideal de crescer e de construir coletivamente, desenvolvendo projetos pedagógicos e institucionais voltados para os interesses e necessidades da comunidade local e regional.

O início: a Faculdade 7 de Setembro

Em 23 de agosto de 2000, nascia a Faculdade 7 de Setembro – FA7. A Instituição foi credenciada pela Portaria MEC de n.º 1.316, que homologou o Parecer favorável da Comissão de Verificação para o curso de Administração, com as seguintes habilitações: Gestão em Comércio Exterior, Gestão de Pequena e Média Empresa, Gestão Financeira e Gestão de Marketing. Em seguida, a Portaria n.º 1.320, também de 23 de agosto de 2000, autorizou o funcionamento do curso de Pedagogia, licenciatura plena, com as habilitações em Administração Escolar e em Supervisão Escolar.

A Instituição iniciou suas atividades no primeiro semestre letivo de 2001, abrindo as portas para os estudantes de Administração e Pedagogia. No mesmo ano, foram autorizados pelo MEC os cursos de Sistemas de Informação e Ciências Contábeis. Nos anos seguintes, iniciou-se o funcionamento dos cursos de Direito, em 2002, e de Comunicação Social, com as habilitações Publicidade e Propaganda e Jornalismo – em 2003, devidamente autorizados pelo MEC, tendo sido obtidos conceitos de A e B.

O ano de 2005 foi marcante na história da FA7, pois foram reconhecidos os cursos de Administração, Pedagogia, Sistemas de Informação e Ciências Contábeis. Neste mesmo ano, no mês de julho, a FA7 realizou sua primeira cerimônia de formatura, concedendo o grau às primeiras turmas dos cursos de Pedagogia e Administração.

2005
a primeira colação de grau


O curso de Direito, em 2006, passou por decurso de reconhecimento, tendo sido avaliado pela comissão verificadora com o conceito máximo na avaliação das condições de funcionamento para as três (3) dimensões: organização didático-pedagógica, corpo docente e instalações.

Em 2007, surge o Instituto FA7, assumindo o desafio de criar um centro de referência em negócios no Nordeste. O Instituto FA7 nasceu vocacionado para tornar-se parceiro de empresas e seus gestores, colocando à sua disposição os melhores recursos existentes no mercado global para estimular a inovação e possibilitar saltos sustentáveis de desempenho.

Durante 2008, o Instituto FA7 consolidou-se como referência cearense em estudos da gestão empresarial, através de parcerias com o COPPEAD, a PUC-SP, entre outras. Neste mesmo ano, a FA7 foi confirmada pelo MEC, pelo 3º ano consecutivo, como a melhor faculdade do Ceará (segundo resultados no ENADE e no IGC).

A FA7 no Grupo de Excelência do MEC

O ano de 2009 trouxe com ele o reconhecimento de mais um curso com nota máxima: Comunicação Social, habilitação em Publicidade e Propaganda. No mesmo ano, a FA7 recebeu a Comissão de Avaliação do MEC para o seu recredenciamento institucional. A nota aferida pela Comissão representou o reconhecimento dos nossos esforços na constituição de um ensino superior de qualidade no Brasil e colocou a FA7 no Grupo de Excelência do MEC (instituições de ensino superior com notas 4 e 5). A nota 4 (quatro) é hoje uma das nossas referências de qualidade.


No final de 2009 e no início de 2010, a FA7 ampliou seu espectro de atuação no ensino superior, abrindo três cursos de graduação tecnológica: Negócios Imobiliários, Logística e Design Gráfico. Com isso, a Instituição passou a atuar também na área da Educação Profissional, visando à formação de tecnólogos no campo da produção e da inovação científico-tecnológica, assim como para a gestão de processos de produção de bens e serviços.

O curso de Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, foi reconhecido em 2011 com nota quatro (4), por meio da Portaria Nº 193, de 24 de junho de 2011, vindo ratificar a qualidade da proposta pedagógica da FA7.

No final 2011 e início de 2012 a FA7 tomou a decisão de ingressar no campo das engenharias e da arquitetura. Os cursos de Engenharia de Produção e de Arquitetura e Urbanismo foram os primeiros a serem autorizados, em dezembro de 2012 e maio de 2013, respectivamente.Em 2013 foram mais três processos de autorização em andamento: Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica e Engenharia Civil. O curso de Engenharia Elétrica recebeu parecer favorável em novembro de 2014.

O novo Campus Imperador

No intuito de criar as bases intelectual e científica de que o Estado do Ceará necessita para impulsionar ainda mais o seu desenvolvimento e ampliar e qualificar cada vez mais os cursos oferecidos, no final de 2014, a FA7 recebeu a comissão do MEC para autorização do seu primeiro curso em um novo campus, o Campus Imperador, localizado no Centro. O Campus está atualmente localizado no berço da Educadora 7 de Setembro, na Av. do Imperador, 1330, oferencendo toda a infraestrutura necessária para o funcionamento dos cursos de bacharelado e de pós-graduação.

O curso de Sistemas de Informação foi autorizado em maio de 2015 pela Portaria do MEC n.º 400. No mesmo ano, foram concedidas as autorizações para mais 3 novos cursos: Administração, Ciências Contábeis e Publicidade e Propaganda.

Para o Campus Sul, o ano de 2015 marcou mais um período de crescimento da FA7. A instituição teve autorizados os cursos de Engenharia Mecânica e Psicologia para o Campus Sul, este último com conceito de curso 5, conceito máximo. O curso de Direito, por sua vez, teve renovado seu reconhecimento com conceito de curso 5, conceito máximo desde de sua autorização. Um grande marco para a instituição foi, ter aprovado pela CAPES, o Mestrado em Direito Privado e Relações Sociais, o primeiro do Ceará.

Em 2016, a FA7 teve autorizado o curso de Engenharia Civil, que iniciará sua primeira turma no segundo semestre deste ano.

A UNI7

E, após 16 anos de atuação e compromisso com a educação superior no Brasil, em 26 de dezembro de 2016, a FA7 torna-se a UNI7 - Centro Universitário 7 de Setembro, conquistando autonomia para criar e desenvolver cursos e programas de educação superior que apoiem o aluno na construção de seu futuro, potencializando seu crescimento pessoal e profissional, e combinem de forma inovadora, excelência acadêmica e prática além da sala de aula.

EDILSON BRASIL SOÁREZ
E O COLÉGIO 7 DE SETEMBRO

A história da UNI7 está intimamente associada à trajetória do Colégio 7 de Setembro, fundado em 1935, por um jovem professor de apenas 21 anos e acadêmico de Direito: Prof. Edilson Brasil Soárez. Iniciando com apenas dois alunos, numa sala de aula cedida pela Igreja Presbiteriana de Fortaleza, a dedicação e a competência fizeram com que a escola, ao longo de seus mais de 80 anos de existência, atingisse elevado conceito no seio da sociedade cearense e se transformasse, ao mesmo tempo, numa referência na Educação Básica em todo o Nordeste.

Contando atualmente com três sedes, e tendo se transformado num grupo com longa tradição educacional, a Educadora Sete de Setembro voltou-se para a atuação no Ensino Superior cumprindo, assim, sua missão de formar o cidadão integral.

Assim, por meio da consolidação e expansão de seu quadro de cursos de graduação, a Instituição reafirma e consolida seus compromissos com as demandas sociais, possibilitando a expansão e o aperfeiçoamento do capital intelectual da sociedade, estabelecendo, desta forma, uma relação direta com o processo de ensino–aprendizagem. Valoriza-se o contato com a diversidade cultural, o diálogo com a comunidade, procurando gerar, difundir e aplicar o conhecimento em todos os níveis, em especial, naquele capaz de efetivar melhorias concretas na qualidade de vida das pessoas.

Posso ajudar?