VII Encontro de Iniciação Científica FA7

Anais

A GESTÃO EDUCACIONAL SOB A PERSPECTIVA HUMANISTA: UMA

Relato de Pesquisa
Autor Principal: Maria Josefa de Sousa Vasconcelos
Área: Pedagogia
Professor Orientador: Cecília Rosa Lacerda

Resumo

Nosso relato de pesquisa consiste em apresentar de forma geral a monografia desenvolvida para a obtenção do título de graduada em Pedagogia pela Faculdade 7 de Setembro. Esse trabalho monográfico que está em fase de conclusão denomina-se: A GESTÃO EDUCACIONAL SOB A PERSPECTIVA HUMANISTA: UMA ABORDAGEM FREIRIANA NO INSTITUTO FREI JOÃO PEDRO DE SEXTO, tem o intuito de mostrar a relevância da gestão humanizada em ambientes educativos, uma vez que, vivemos um contexto sócio-cultural de fragmentações dos valores, identidades, éticas, humanização e família. Acreditamos na relevância deste trabalho monográfico por proporcionar uma maneira de gerir levando em consideração a possibilidade de ser mais para si, para outro, e para sociedade destacando a dialogicidade, a crítica reflexiva e autonomia nos processos gestores e educativos. Nossos objetivos foram sistematizados em geral e específicos. No objetivo geral analisamos como o processo de gestão escolar desenvolvida no Instituto Frei João Pedro de Sexto, se aproxima de uma prática educativa humanizadora. Já nos objetivos específicos descrevemos como ocorre o processo de gestão escolar no Instituto Frei João Pedro de Sexto enfatizando que o corpo gestor desenvolve uma práxis de humanização na gestão escolar. Na nossa metodologia desenvolvemos a pesquisa qualitativa, bibliográfica e estudo de caso. A pesquisa qualitativa possibilitou uma ruptura com percepções fixas ou estereotipadas, considerou a alteridade que permitiu a interação pesquisadora e objeto e contribuiu com a prática do diálogo interdisciplinar facilitando o processo descritivo e interpretativo. O apoio bibliográfico permitiu um levantamento de obras e pesquisas sobre a temática da gestão escolar e humanização. O estudo de caso contribuiu para a investigação heurística e escolha do dispositivo de pesquisa que foi a entrevista semi-estruturada. Os teóricos que deram suporte para a nossa pesquisa foram Maria Minayo, com a pesquisa qualitativa, Kelma Matos referenciando a pesquisa bibliográfica e Estudo de Caso no qual está inserido o dispositivo de entrevista semi-estruturada. Outros autores que fundamentaram a nossa narrativa foram Paulo Freire, Afonso Murad, Nelino Mendonça, Heloisa Lück e Zygmunt Bauman. O sumário de nossa pesquisa foi sistematizado da seguinte forma: INTRODUÇÃO CAPÍTULO I - A GESTÃO EDUCACIONAL SOB A PERSPECTIVA HUMANISTA: UMA ABORDAGEM FREIRIANA 1.1. Abordando os conceitos de humanização, missão e gestão humanizadora 1.2. A humanização, Missão e gestão humanizadora na escola 1.3. Leis que fundamentam e colaboram para prática da gestão humanizadora na escola 1.4. O perfil e missão do gestor humanizador CAPÍTULO II- PAULO FREIRE E SUA CONTRIBUIÇÃO PARA O PROCESSO HUMANIZADOR E LIBERTADOR NA EDUCAÇÃO 1.1. Paulo Freire uma trajetória de vida. 1.1.1. Família, Infância e Juventude. 1.1.2. Percurso Acadêmico e Experiência com os menos favorecidos 1.1.3. Exílio e Militância Política na Educação 1.1.4. Retorno ao lar e sua práxis educativa libertadora. 2.3. Paulo Freire: dialogicidade na ação pedagógica e gestora 2.4. Uma síntese historiográfica: Pedagogia do Oprimido e Pedagogia da Autonomia 2.4.1. Pedagogia do Oprimido 2.4.2. Pedagogia da Autonomia CAPÍTULO III- HUMANIZAÇÃO, MISSÃO E GESTÃO HUMANIZADORA NO INSTITUTO FREI JOÃO PEDRO DE SEXTO. 3.1. Irmãs Missionárias Capuchinhas 3.2. Instituto Frei João Pedro de Sexto e seu percurso histórico 3.3. Instituto Frei João Pedro de Sexto: Práticas da humanização, Missão e Gestão Humanizadora. Quanto aos nossos resultados e considerações finais serão apresentados posteriormente pois a pesquisa está sendo finalizada.